Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

16 records were found.

As redes neuronais artificiais (RNA’s) são uma ferramenta de modelação poderosa com aplicações em diversas áreas de conhecimento como por exemplo na Medicina, nos Mercados Financeiros e na Indústria. Os modelos de RNA’s têm vindo a ser aplicados ao longo do tempo, experimentando novos algoritmos e diferentes arquitecturas, sempre com o objectivo de se encontrar um modelo que reproduza a realidade o mais fielmente possível. Uma investigação desenvolvida na cidade de Castelo Branco - Portugal, mostrou que com as RNA’s se consegue um desempenho melhor, na ordem dos 10%, do que com as metodologias tradicionais usadas na estimação do preço da habitação (metodologias hedónicas).
A investigação operacional por detrás de um SIG no apoio à Proteção Civil.
Conhecer o preço da habitação com objectividade, através da medida das suas características é um assunto que ocupa diversos investigadores. A selecção das variáveis explicativas foi validade através dos testes de diagnóstico usuais na modelação econométrica. Este estudo descreve uma investigação sobre a estimação de uma rede neuronal artificial, para o preço de venda de um apartamento numa cidade Portuguesa. Apresentam-se os resultados obtidos na estimação de várias redes neuronais artificiais, em relação ao erro relativo do conjunto de teste, com três tipos de partições de dados diferentes. A partição que funcionou melhor foi a 90% vs 10%, respectivamente para o conjunto de aprendizagem e de teste. Também foi analisada a possibilidade da ordem de importância das variáveis explicativas do preço, estar dependente do tipo de partição utilizada, tendo-se concluído que a área útil, é sempre a variável explicativa que surge com maior importância, independentemente do tipo de partição utilizada.
Comunicação apresentada no MME2010, que decorreu de 21 a 24 de Outubro de 2010, em Cimbra.
Encontram-se na literatura várias propostas de modelos hedónicos para estimar o valor da habitação. O objectivo passa pela obtenção de boas estimativas do valor de mercado de um imóvel, pela percepção de quais são os factores formadores desse valor e como se relacionam. Conhecem-se para Portugal vários estudos utilizando metodologias hedónicas, com recurso a diferentes fontes de informação, resultando na utilização de diferentes variáveis explicativas. Neste estudo, apresenta-se o resultado de uma investigação utilizando dados de apartamentos novos e usados vendidos entre 2005 e 2009, fornecidos por Agentes Imobiliários de uma cidade do interior de Portugal. Para além da utilização de índices de atributos constituídos por conjuntos de características, foi também analisada a inclusão do Coeficiente de Localização, estabelecido pelo Ministério das Finanças, como possível variável explicativa da localização do imóvel.
Em Portugal a distribuição das instituições de ensino superior decalca grandemente a rede urbana nacional. Neste estudo é argumentado que a distribuição territorial das Instituições de Ensino Superior Público (IESP) em Portugal é determinante para melhorar a desigualdade de oportunidades de acesso ao ensino superior público, principalmente das regiões rurais do interior do país. Para o efeito, realizou-se uma análise espacial através de metodologias de análise de redes num Sistema de Informação Geográfica onde se determinaram as áreas de abrangência de cada IESP com critérios de distância (15 e 30 km) e de tempo (15, 30 e 40 minutos). Encontrou-se pelo menos uma IESP em cada distrito de Portugal Continental embora em 75% do espaço territorial o acesso a uma IESP se encontre a distâncias de deslocação superiores a 30 km. Em 55% do espaço territorial o acesso encontra-se a tempos de deslocação superiores a 40 minutos. Confirmou-se a notória assimetria da rede entre litoral e interior do país. A maioria das IESP que se encontram distanciadas entre si a 30 ou menos km, estão situadas no litoral (98%), das quais 72% nos distritos de Lisboa e Setúbal. Defende-se a necessidade da definição de regras de acesso ao ensino superior que deem primazia por um lado, ao acesso às instituições de ensino superior público, e por outro, que estimulem o acesso ao ensino superior nas regiões do país mais desfavorecidas.
O encontro integrou o 7.º Workshop da APDR sobre o tema "Fronteiras e Desenvolvimento Regional" a ainda a XXXVI Reunion de Estudios Regionales.
Portuguese forest area has a great expression being around 39%. Since the last centuries the Quercus suber L.(cork oak) areas have increased, reaching to 715 922 ha (23%) according to the last National forest inventory. Afforestation programmes financed by the European Union and the existing protection laws for the species are one of the main reasons for this increase. These efforts are important to promote for these stands a distribution by age class that ensure cork oak forest sustainability (only 14% of the existing even-aged stands are young stands with less than 10 years). In this study, the programme – Afforestation of Agricultural Land – in the region of Beira Interior Sul was analysed, to assess afforestation success during the period of 2001 to 2011.
A obra é constituída pelos resumos das comunicações apresentadas pelos docentes da Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco e são referentes aos projetos de investigação nos quais estão envolvidos.