Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

You search for caracterização and 1,345 records were found.

1 – Contexto e objetivos 2 - Lavandula luisieri Nomenclatura, classificação. Caracterização fitossociológica, morfológica, genética e química. Bioactividade e germinação 3 - Perspectivas futuras
Tendo em vista a valorização deste recurso natural, este trabalho tem como principal objectivo a produção de extractos aquosos das partes aéreas da carqueja e a sua caracterização.
O relatório apresenta os trabalhos desenvolvidos no âmbito do Projecto desde a data do seu início, em 1 de Maio de 2005, até 31 de Dezembro de 2005, num total de 8 meses de decurso do Projecto. O relatório organiza-se pela descrição das seguintes tarefas a desenvolver: T1 – Selecção das áreas de estudo; T2 – Caracterização agro-florestal; T3 – Caracterização de cinzas e testes laboratoriais de combustão; T4 – Modelação do ciclo hidrológico e caracterização da qualidade da água; T5 – Coordenação e integração.
Pretendeu-se com este trabalho desenvolver metodologias para a micropropagação e extração de compostos com propriedades bioativas de carqueja (Pterospartum tridentatum L.), silvestre e micropropagada, como forma de valorização desta espécie. A micropropagação revelou-se eficaz para propagação em larga escala, com taxas de multiplicação de 1,6 a 43,9; número de rebentos de 1,5 a 10,4 e enraizamento superior a 96,7%. O rendimento de extração aquosa variou de 10,5 a 19,4 e de 12,2 a 30,1% (m/m) para plantas silvestres e explantes micropropagados, respetivamente. Os extratos aquosos apresentaram elevados teores de fenóis totais, 203,4 a 369,2 e 104,1 a 121,3 mg eq ácido gálico g-1 m.s, e atividade antioxidante FRAP: 256 a 856 e 160 a 260 mmolFe2+100g-1 m.s; DPPH: 1433 a 1551 e 1503 a 1509 mM Trolox 100g-1 m.s para plantas silvestres e micropropagadas, respetivamente. Os extratos não revelaram atividade antifúngica, tendo no entanto evidenciado inibição de Pseudomonas aeruginosa, Bacillus subtilis e Staphylococcus aureus. A aplicação de revestimentos de quitosano bioativos com incorporação de extratos permitiu melhorar a capacidade de conservação pós colheita em cereja. Os resultados obtidos permitem propor estas metodologias para obtenção de extratos com propriedades bioativas a partir de material micropropagado, sem a exploração indiscriminada dos recursos naturais.
Relatório de Estágio do curso de Engenharia de Produção Florestal, apresentado à Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Relatório do Trabalho de Fim de Curso de Engenharia Biológica e Alimentar apresentado na Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Relatório do Trabalho de Fim de Curso de Engenharia de Produção Agrícola apresentado à Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Licenciado em Engenharia do Ordenamento dos Recursos Naturais.
A extracção de rochas tem um importante papel na economia portuguesa, particularmente a nível do sector produtivo. No Concelho de Cantanhede existem diversas explorações de rochas calcárias distribuídas pela região, tanto em actividade como abandonadas. Na selecção de uma pedreira para implementação de uma proposta de recuperação paisagística procedeu-se à inventariação e caracterização das diversas pedreiras existentes no concelho e avaliadas as possíveis vantagens/inconvenientes e impactes associados. A individualização desta pedreira deve ter por base a sua área e localização geográfica, bem como, as características da área envolvente. Para a pedreira seleccionada são definidos diversos patamares de acção contemplando a vertente cultural e educativa, através da criação de um espaço de lazer e de actividades desportivas, pedagógico-científicas e culturais. Com esta proposta pretende-se criar um espaço atractivo e de interesse para a comunidade, proporcionando um reconhecimento das potencialidades geológicas do local e a sua divulgação.
O objectivo do estudo foi testar métodos de análise ambiental que permitam analisar o efeito de tipologias específicas de perturbação de modo a permitir a sua utilização prospectiva no processo de planeamento e gestão do território. Para tal procedeu-se à análise em termos de usos e funções ecológicas a evolução de uma área de características sub-regionais, localizada na Península de Setúbal. Trata-se de uma faixa com orientação W-E, abrangida pelas folhas n.º 453 e 454 da Carta Militar de Portugal à escala 1:25 000, tendo sido esta a escala adoptada. Para o momento inicial e para o momento actual, assim como para um momento intermédio, procedeu-se a uma caracterização e análise estrutural dos principais elementos constituintes da estrutura ecológica, de forma a poder-se analisar a transformação da área do ponto de vista das estruturas biológicas. Para cada um dos momentos referidos testou-se a validade e utilidade de um conjunto de índices funcionais e estruturais desenvolvidos por vários autores, designadamente por Forman et al. (1986); Shannon et al. (1962); Romme et al. (1982), Hoover et al. (1991); Short (1988) em termos da representação dos sistemas ecológicos e da sua resposta a perturbações. A análise diacrónica dos valores dos índices de avaliação e caracterização estrutural e ecológica permitiu assim caracterizar os impactes provocados pelas alterações de uso. Com base nesta análise estabeleceu-se uma comparação entre os resultados obtidos pelos vários métodos de avaliação dos impactes das alterações de uso e a evolução dos usos realmente verificada.
Vol. 1 : Elementos complementares : relatório. - 82 f. + [23] f. em anexos
1º v. : Caracterização dos processos de desertificação e tipologia das zonas afectadas. -185 p. -2º v. : Os agentes locais e os processos de desenvolvimento nas zonas sujeitas a desertificação. -138 p.
Neste estudo faz-se a caracterização, geotécnica e do comportamento mecânico, de dois materiais xistosos, pertencentes ao "Complexo Xisto-Graváquico", recolhidos no troço Raiva-Catraia dos Poços do Itinerário Complementar 7 (IC7) da rede rodoviária nacional, tendo como finalidade analisar a sua aplicabilidade em fundação e nas camadas granulares de pavimentos rodoviários. Procede-se ainda à análise dos resultados daquela caracterização a partir de um conjunto de especificações e recomendações Portuguesas, Francesas e Norte Americanas.
O objectivo deste trabalho foi o de avaliar os efeitos ambientais decorrentes da produção de suínos ao ar livre, através da evolução das propriedades químicas do solo e da caracterização das águas de drenagem interna. O trabalho foi desenvolvido na unidade experimental de produção de suínos parqueados ao ar livre da Escola Superior Agrária de Castelo Branco. Estabeleceu-se um plano de monitorização das propriedades do solo com base em colheitas com uma periodicidade bi-mensal. Analisaram-se os parâmetros: pH, C.E., Co, P, K, bases de troca, Cu e Zn. A área de cada parque foi dividida em duas zonas, uma considerada mais suja que corresponde à área onde estão os comedouros e locais de dejecção, e outra mais limpa na restante área. O trabalho iniciou-se em Janeiro de 2005 e em Maio de 2006 efectuou-se uma amostragem georreferenciada ao solo em toda a área da unidade experimental. Instalaram-se cápsulas de recolha de lixiviados para caracterização química das águas de drenagem interna. Analisaram-se os parâmetros: pH, C.E., N-mineral, P total, Cu e Zn. Os resultados obtidos após o primeiro ano levam a concluir que devido ao maneio e ao comportamento Produção de suínos ao ar livre: avaliação de efeitos ambientais Maria do Carmo Horta1 dos suínos existe uma elevada heterogeneidade nas propriedades do solo. Verificou-se uma acumulação no solo de todos os elementos analisados, havendo zonas preferenciais de acumulação de nutrientes. Nestas zonas, a capacidade de retenção do solo é excedida e o transporte de nutrientes nas águas de drenagem interna, nomeadamente N e P, em quantidades por vezes superior ao que é ambientalmente admissível acontece. Aconselha-se uma alteração no maneio dos suínos e a continuação da monitorização da área no sentido de avaliar a eficácia das sugestões propostas.
A identificação das áreas onde ocorrem impactes significativos sobre a vegetação, resultantes do pisoteio, é importante no âmbito do planeamento dos eventos de Orientação Pedestre, de modo a evitar que a sua capacidade de carga seja ultrapassada. Em Novembro de 2006 foi efectuado um estudo com o objectivo de avaliar os impactes na flora e vegetação originados por um evento de Orientação Pedestre de nível nacional sobre a vegetação e sua capacidade de regeneração. Esta prova realizou-se na Serra de Santa Isabel, no concelho de Terras do Bouro. Foram seleccionadas vinte e quatro áreas de amostragem considerando a representatividade da vegetação, as áreas de maior passagem de atletas e a vulnerabilidade e valor florístico. Todas as áreas foram caracterizadas e avaliadas, antes, imediatamente após e seis meses após o evento. Procedeu-se a uma caracterização da vegetação arbustiva e herbácea, com registo das espécies ocorrentes e respectivas classes de abundância/dominância. Os efeitos sobre a flora e vegetação assumiram uma magnitude e significado reduzidos, verificando-se uma recuperação das condições anteriores à prova. Porém, foram identificadas situações particulares de maior vulnerabilidade, associadas à presença de formações com menor capacidade de regeneração e a áreas com declive acentuado.
A deformação permanente em misturas betuminosas é uma degradação de pavimentos rodoviários frequente mas para a qual ainda não existe uma metodologia que possa de forma cabal prever a sua evolução, nomeadamente para as camadas betuminosas. Para avaliar a susceptibilidade destas à deformação permanente existem vários ensaios laboratoriais, como sejam, o ensaio de Wheel Tracking e o de Fluência Dinâmica. Neste trabalho faz-se a comparação dos resultados obtidos para uma mistura betuminosa comum em Portugal com os ensaios laboratoriais de Wheel Tracking e de Fluência Dinâmica realizados, respectivamente, de acordo com a prEN 12697-22 e a prEN 12697-25. Foram ensaiados provetes produzidos em laboratório e recolhidos em obra. Os resultados obtidos confirmam a aplicabilidade dos ensaios e ainda que o parâmetro velocidade de deformação pode ser utilizado na caracterização do comportamento de misturas betuminosas à deformação permanente.
A Universidade de Évora, no quadro dos estudos de aplicação e desenvolvimento desenvolvidos em torno do modelo ILA (Fernandes, 2002), tem vindo a desenvolver instrumentos topológicos específicos, com recursos a instrumentos de GIS disponíveis no sentido de caracterizar importantes funções ocorrentes nas paisagens. Nesse quadro, foram já desenvolvidos e implementados modelos de caracterização da continuidade de um território heterogéneo para diferentes espécies animais (aplicado posteriormente a modelos de dispersão e de impactos sobre os habitats) e modelos de caracterização da complementaridade funcional relativamente às exigências simultâneas de tipologias de habitat por parte de uma espécie animal. Estes modelos, aplicáveis a qualquer dos planos de caracterização atrás referidos permitem, no primeiro caso, simular, para quadros concretos de uso do território e redes de continuidade ou de barreiras perfeitamente definidas, a movimentação potencial de uma espécie, quer em dispersão, quer em utilização normal do seu habitat.
Relatório de Estágio do curso de Produção Florestal, apresentado à Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Estamos a viver uma época em que a pressão para a utilização de plataformas digitais para o Ensino a Distância (EAD) são uma realidade. Novos dispositivos têm surgido podendo dar a impressão que um novo formato designado por «m-learning» poderá vir substituir a novidade «e-Learning». A presente comunicação pretende apresentar as características desta nova possibilidade digital para o processo de ensino e de aprendizagem numa perspectiva crítica e reflexiva. Começa-se por abordar a questão relacionada com a definição desta terminologias, sua caracterização, assim como, possibilidades e potenciais propostas para a inclusão do m-learning em contexto educativo. O objectivo é encetar, desde já, uma discussão no seio da comunidade educativa para que se possam vir a tomar decisões acerca da utilidade e pertinência de novas ofertas digitais.
A sociedade actual é altamente consumista procurando a todo o momento o seu conforto e bem-estar muitas vezes através de uma utilização e exploração excessiva da natureza. A extracção de rochas tem um importante papel na economia portuguesa, particularmente a nível do sector produtivo. Contudo, esta extracção não pode ser apenas direccionada para critérios económicos, devendo proceder-se de forma adequada e em harmonia com o meio ambiente, de modo a utilizar e explorar os recursos naturais e a reutilizar estes locais após cessada a exploração. O Concelho de Cantanhede é reconhecido como património geológico com diversas explorações distribuídas pela região, tanto em actividade como abandonadas. Neste trabalho procedeu-se à inventariação, com identificação, reconhecimento e caracterização das pedreiras existentes no concelho de Cantanhede, tendo sido estudadas cerca de 40 pedreiras, das quais 28 estão desactivadas. Estas últimas foram divididas em quatro grupos distintos consoante se encontram aterradas na totalidade, semi-aterradas, recuperadas ou abandonadas. Nas pedreiras aterradas e semi-aterradas persiste um forte impacte visual, face à extensa área de solo desprovido de vegetação com incremento da erosão dos solos. Para as pedreiras abandonadas, por sua vez, a degradação ambiental é elevada e associa-se ao seu abandono sem a adopção de um processo de recuperação ou reabilitação. Na implementação de uma proposta de recuperação paisagística deve ser considerada a sua localização geográfica e acessibilidade, área total ocupada, bem como, a existência de escarpas em bom estado de conservação, relativamente estáveis e de altitude suficiente para a prática de desportos radicais. Por outro lado, as características da área envolvente, como sejam a presença de vegetação arbustiva e arbórea, existência de elementos de interesse histórico-cultural e necessidade aparente de menor intervenção constituem elementos a considerar. Cada um destes pontos deve ser avaliado e as possíveis vantagens/inconvenientes e impactes associados às diferentes pedreiras abandonadas existentes.
Integrado no Programa Agro, Medida 8.1, Projecto nº 800, foram elaborados estudos de distribuição e propagação da espécie Thymus mastichina L., existentes espontaneamente na Beira Interior. Foram avaliadas seis zonas ecológicas distintas denominadas Vale do Tejo, Beira Interior Sul, Cova da Beira, Beira Interior Norte, Serra da Estrela e Serra da Gardunha. Durante dois anos fez-se prospecção no campo em cada zona ecológica e recolheu-se material vegetal. Realizaram-se ensaios de germinação em laboratório em condições de temperatura alterna 10º/20ºC (dia) e temperatura constante 23ºC (dia), com fotoperíodo de 8 e 16 horas/dia, respectivamente. Testou-se ainda a capacidade germinativa em estufa, na Primavera e efectuaram-se ensaios de enraizamento, com estacas terminais, em condições de Outono/Inverno e Primavera/Verão. Na Beira Interior foram encontrados 36 locais onde se verificou a ocorrência de Thymus mastichina. Em cada zona ecológica onde foram encontrados indivíduos da espécie em estudo, foi seleccionado um local para recolha de 20 plantas-mãe, que foram posteriormente instaladas no campo de caracterização/demonstração da ESACB. Nos ensaios de germinação verificaram-se taxas entre os 80% e 94% em laboratório e entre os 76% e 84%, em viveiro. Nos ensaios de propagação vegetativa de estacas terminais obtiveram-se taxas de enraizamento entre os 20% e 100%.
Com a intenção de contribuir para a caracterização da cabra da raça Charnequeira, foi acompanhada uma cabrada de 66 fêmeas. Foram obtidos e analisados vários parâmetros tais como: Mensurações dos animais, evolução do peso vivo ao longo do seu ciclo fisiológico, idade à puberdade e 1ª cobrição, duração da gestação, índices reprodutivos, crescimento dos cabritos, estudo de carcaças e lactação (produção quantitativa e qualitativa).
Neste artigo é realizada uma caracterização dos sistemas informáticos de aquisição e tratamento de dados no laboratório de ciências. A apresentação das opiniões e reflexões de diferentes autores têm como objectivo evidenciar as potencialidades e as limitações destes equipamentos, com vista à sua utilização no processo de ensino e de aprendizagem.
As actividades mineiras constituem um perigo para o ambiente envolvente face à forte possibilidade de contaminação de águas, solos, sedimentos e vegetação através de dispersão e acumulação de metais. Neste trabalho apresentam-se alguns aspectos relativos à caracterização geoquímica na envolvente de explorações mineiras, actualmente abandonadas, na região de segura e suas implicações ambientais.
Com esta comunicação ao pretende-se dar uma caracterização geral da internet em relação a sua origem, evolução e potencialidades é também preocupação apresentarem-se dados relativos a Portugal e ao presentar-se propostas para utilização da internet em contexto educativo.
A Orientação inclui toda a actividade em que se recorre à utilização de um mapa para se optar sobre o melhor trajecto a realizar entre dois locais. Enquanto modalidade de Desporto de Natureza, o praticante tenta realizar no menor tempo possível um percurso, previamente definido e marcado num mapa, tendo que visitar, pela ordem definida no mapa, um conjunto de postos de controlo colocados no terreno. A identificação das áreas onde ocorrem impactes significativos sobre a vegetação, resultantes do pisoteio, é importante no âmbito do planeamento dos eventos de Orientação Pedestre, de modo a evitar que a sua capacidade de carga seja ultrapassada. Em Novembro de 2006 foi efectuado um estudo com o objectivo de avaliar os impactes na flora e vegetação originados por um evento de Orientação Pedestre de nível nacional sobre a vegetação e sua capacidade de regeneração. Esta prova realizou-se na Serra de Santa Isabel, no concelho de Terras do Bouro. Foram seleccionadas vinte e quatro áreas de amostragem considerando a representatividade da vegetação, as áreas de maior passagem de atletas e a vulnerabilidade e valor florístico. Todas as áreas foram caracterizadas e avaliadas, antes, imediatamente após e dez meses após o evento. Procedeu-se a uma caracterização da vegetação arbustiva e herbácea, com registo das espécies ocorrentes e respectivas classes de abundância/dominância. A observação dos efeitos induzidos pela passagem dos praticantes sobre a vegetação foi efectuada in loco e registada em suporte fotográfico e, em ficha de observação. Foi igualmente registada a área correspondente afectada. Os efeitos sobre a flora e vegetação assumiram uma magnitude e significado reduzidos, verificando-se uma recuperação das condições anteriores à prova. Porém, foram identificadas situações particulares de maior vulnerabilidade, associadas à presença de formações com menor capacidade de regeneração e a áreas com declive acentuado.
O presente relatório foi elaborado com o objetivo do cumprimento dos requisitos no âmbito do Mestrado em Ensino da Música. Este descreve duas etapas distintas, a ação desenvolvida na unidade curricular de Prática de Ensino Supervisionada e o Projeto de Investigação. A primeira parte do relatório de estágio é dedicado à Pratica de Ensino Supervisionada e divide-se em três partes distintas. No primeiro capítulo é feita uma breve caracterização da instituição de ensino onde o estágio foi realizado. O corpo central desta etapa é constituído pelos elementos relacionados com o desenvolvimento da prática pedagógica: caracterização dos alunos, objetivos, conteúdos programáticos, critérios de avaliação e apresento ainda um conjunto de quatro elementos de ensino e aprendizagem planeadas e implementadas ao longo da prática, seguidas dos respetivos relatórios. Esta primeira parte é concluída com a realização de uma reflexão crítica sobre o trabalho desenvolvido ao longo do ano letivo. A segunda parte que consiste no projeto de investigação, intitulado de A Importância do Manual de Estudos na Aprendizagem do Clarinete, é realizada com o objetivo de solucionar, do ponto de vista teórico e prático, algumas das lacunas presentes na aprendizagem avançada do instrumento. No primeiro capítulo do projeto de investigação é realizada uma recolha de opiniões sobre quais os aspetos técnicos que se revelam mais problemáticos na aprendizagem do instrumento. Seguidamente, após a identificação dos mesmos, é desenvolvida uma abordagem teórica sobre os seguintes aspetos: embocadura, mecanismo e articulação. O último capítulo consiste na recolha e análise de manuais de estudos que permitam ao aluno desenvolver as problemáticas descritas anteriormente. No final do Projeto de Investigação é realizada uma breve reflexão crítica sobre o desenvolvimento deste trabalho e a forma como o mesmo me pode ajudar a obter um melhor desempenho como docente em contexto pedagógico.
Trabalho financiado pelo Projecto Agro 824 - Caracterização Eletrónica do Aroma de Azeites DOP - Influência da Tecnologia da Maturação na Qualidade do Azeite.
Foram apresentados os estudos desenvolvidos no âmbito do projeto “Avaliação do impacte de fogos florestais nos recursos hídricos subterrâneos” (POCI/AGR/59180/2004), designadamente: (1) caracterização e análise do coberto vegetal lenhoso e o seu contributo para a produção de cinzas resultantes de incêndios florestais; (2) estudos relativos à caracterização dos solos, águas e cinzas da combustão de matéria vegetal das áreas estudadas, da biomassa e o potencial de transferência de espécies químicas a partir das cinzas, tanto para os solos como para as águas; (3) estudos relativos à afectação dos fogos na componente qualitativa do ciclo hidrológico; (4) aplicação dos conhecimentos adquiridos a um caso de estudo: a bacia do rio Zêzere; (5) considerações relativas às estratégias de prevenção e mitigação dos impactos dos fogos sobre os solos e recursos hídricos.
O principal objetivo da investigação apresentada é a caracterização do comportamento não linear de ligações metálicas entre vigas de perfil I e colunas tubulares com perfis U de secção soldada invertidos. Neste artigo é apresentada uma comparação entre os resultados do modelo experimental e da modelação numérica por elementos finitos, permitindo a validação do modelo e a caracterização do comportamento das principais componentes do perfil em U da ligação, nomeadamente, as associadas ao painel da alma em flexão e aos painéis dos banzos em corte, compressão e tração. Os resultados deste estudo são apresentados em termos de resistência, rigidez e capacidade de rotação da ligação. No programa de ensaios experimentais as características do comportamento não-linear das componentes do perfil são avaliadas por meio de ensaios de flexão, monotónicos e cíclicos. Os modelos numéricos foram desenvolvidos no programa de elementos finitos LUSAS, sendo calibrados com os resultados dos ensaios experimentais.
Relatório de Estágio do curso de Produção Florestal, apresentado à Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Disponível na Biblioteca da ESACB na cota C30-27256TFCEF.
Disponível na Biblioteca da ESACB na cota C30-18412TFCPAN.
Disponível na Biblioteca da ESACB na cota C30-19338TFCPAN.