Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

You search for design and 2,304 records were found.

Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco, em associação com a Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design Gráfico.
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco, em associação com a Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design Gráfico.
A investigação teórica e prática realizada explora uma vertente da arte pública, centrada no design participativo, que é sustentada por uma visão integrada do lugar, o qual é entendido, enquanto interacção entre diversos factores humanos, biofísicos, geográficos, económicos, políticos, sociais, culturais, históricos e ecológicos, que caracterizam e determinam, em boa parte, a vida desse mesmo lugar. Esta visão centra-se numa especificidade do lugar, designadamente, na relação entre as actividades laborais e os recursos naturais locais que se expressam no território e, consequentemente, na paisagem. Partindo da crítica literária e da experiência da autora, a metodologia utilizada é de base experimental centrando-se no desenvolvimento projectual – Interacções Artísticas com Cacela Velha. A prática artística investigada e, em particular, os métodos usados neste projecto, são de carácter aberto, envolvendo as pessoas locais na sua realização, através duma abordagem empática de design de interacção. Esta abordagem é construída na vulnerabilidade intersubjectiva, baseando-se no paradigma de ouvir e de dialogar. Os projectos artísticos materializam-se em lugares periféricos, os quais se caracterizam pela evidência de relações entre a subsistência directa da sua população e os recursos naturais locais. Daí, estas populações serem marginalizadas pela lógica da globalização hegemónica. A prática artística desenvolvida, cruzada com o design participativo, pretende expandir a ideia de lugar, para os artistas e designers, filtrada através das lentes do trabalho manual, como uma relação de subsistência corporal entre as pessoas e a terra ou o mar. O objectivo desta investigação activa visa analisar, testar e interpretar as evidências sobre a importância que o lugar, entendido nas suas múltiplas dimensões, pode ter na concepção e materialização de intervenções artísticas que trabalhem com e para as populações ou comunidades locais, ou seja, numa óptica de design de interacção participativo. Neste momento, já se encontra testada e avaliada a receptividade da população participante relativamente às características metodológicas do projecto realizado. Espera-se que os resultados desta investigação venham a confirmar que a adopção de uma perspectiva integrada do lugar que relacione as actividades laborais e as populações locais, através da interacção entre o artista e a comunidade, no âmbito do design participativo, promova a partilha de conhecimentos e vivências, criando as condições para a realização de uma forma de arte “pública” que integra os saberes de todos os agentes envolvidos.
Este relatório é o resultado da frequência do estágio no Gabinete de Reabilitação do Centro Histórico de Castelo Branco, no âmbito do Mestrado em Design de Interiores, lecionado na Escola Superior de Artes Aplicadas. Face ao crescimento de admissão do design em diversas áreas e ao aumento da reabilitação em Portugal, o objetivo deste estágio foi a incorporação de componentes técnicas e estéticas do design de interiores com o campo da recuperação de espaços históricos.
Este relatório é o resultado da frequência do estágio no Gabinete de Reabilitação do Centro Histórico de Castelo Branco, no âmbito do Mestrado em Design de Interiores, lecionado na Escola Superior de Artes Aplicadas. Face ao crescimento de admissão do design em diversas áreas e ao aumento da reabilitação em Portugal, o objetivo deste estágio foi a incorporação de componentes técnicas e estéticas do design de interiores com o campo da recuperação de espaços históricos.
O seguinte projeto tem como tema principal o Design de calçado, pois foi com base nesse tema que foi feito todo o enquadramento teórico de modo a fundamentar a criação da coleção final de calçado a que este projeto se pretende. Logo, foi realizada uma pesquisa sobre a história do calçado, os seus materiais e componentes, tipos de sapatos e saltos, a indústria do calçado em Portugal e seus principais designers, entre outros. Este projeto consiste na criação de uma coleção cápsula de calçado feminino, estação Outono/Inverno 2016-17 para a marca Luís Onofre. A coleção, denominada de “Pure Gold” contém cinco modelos diferentes de sapatos, de modo a apelar a um público mais vasto. Todo o processo criativo foi assim demonstrado de modo a expor a evolução desde o primeiro esboço à produção do protótipo.
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design do Vestuário e Têxtil.
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design do Vestuário e Têxtil.
Trabalho apresentado para conclusäo do curso de Estudos Superiores Especializados em Inspecçäo Escolar
Partindo do pressuposto que a noção de propriedade é um conceito social com um fim organizador das atividades humanas, logo cultural e intercultural, submetida a um enquadramento legal, cuja fundamentação é de âmbito económico, aqui abordaremos como essa concepção condiciona a inovação. São as estratégias defensivas, das vias internacionais de proteção das invenções e das patentes que regulam o uso e o acesso ao património humano, com o fim de evitar a expropriação pela cópia, pelo roubo ou pela apropriação, assim como por plágio ou por falsificação. Leis de propriedade, que atentamos como dados impermanentes, o que, coloca em causa uma das instituições mais enraizadas, a do poder jurídico. No âmbito da nossa investigação, ao consideramos o design como impulsionador da inovação, por poder incrementar o fluxo da transferência de tecnologia por via dos Centros Tecnológicos, entre os territórios da indústria transformadora e as universidades, a proteção é um factor crítico para a dinâmica de inovação e para a sociedade.
http://issuu.com/maria_manso/docs/bess-sb13-paper-01-revised?workerAddress=ec2-23-22-93-32.compute-1.amazonaws.com
Projeto apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco em associação com a Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do Grau de Mestre em Design Gráfico.
A gerência de uma marca de luxo é complexa e exige uma comunicação consistente e coerente ao longo do tempo. As marcas que participam desse setor da economia desenvolvem uma proposta que vai além da oferta produtos de qualidade, de alto desempenho e de autenticidade: implica na sintonia entre valor de marca e de vida do potencial cliente. Para a consolidação e manutenção de uma marca de luxo, as empresas precisam de ações estratégicas que as diferenciem criando o reconhecimento de uma identidade única na mente do consumidor. Este artigo analisa os elementos através dos quais as marcas de luxo se expressam e se comunicam para criar e manter esse reconhecimento. Metodologicamente, utiliza-se de pesquisa exploratória e descritiva através da técnica de levantamento bibliográfico e a observação direta. Deste ponto de partida, são abordados assuntos como a marca e as suas expressões, procurando identificar e compreender os seus elementos de expressão e expor a participação do Design Gráfico através das ações de luxury branding.
O presente relatório surge como uma apresentação do trabalho da mestranda inserido numa marca de acessórios de moda. O estágio curricular com inicio a 4 de Novembro de 2015 e conclusão a 31 de Maio de 2016, contribuiu portanto para a conclusão do Curso De Mestrado em Vestuário e Têxtil na Escola Superior de Artes Aplicadas em Castelo Branco/IPCB em conjunto com a Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa. O estágio visou aplicar conhecimentos adquiridos ao longo do curso, como propôs novos desafios, ambientes de trabalho, discussão de ideias e conceitos, e mais importante, a experiência de trabalhar para clientes reais, noções de orçamentos, e gestão de tempo. Assim como foi determinante a experiência ganha ao realizar diferentes tarefas fora e dentro do espaço de atelier, tudo isto numa área em relação aos acessórios de senhora, neste caso malas, e o impacto que causam no contexto de moda atual, assim como a forte vertente têxtil da marca. O presente relatório consta do trabalho desenvolvido em contexto de estágio, desafios superados, dificuldades encontradas, e objetivos atingidos com sucesso. A mestranda apresenta também no presente relatório as tarefas que lhe foram atribuídas dentro da marca, em relação á criação, ilustração, etapas de execução de tarefas, assim como reflexões acerca de diversos temas relacionados com o estágio em si. Além do estágio, a mestranda foi desafiada a desenvolver uma coleção de malas para a marca, com o objetivo de apresentar uma abordagem sua da marca. Como poderia propor novos modelos, aliando a sua criatividade e sentido de estética às próprias características que representam Teresa Gameiro. Dessa forma conseguindo aplicar os conhecimentos adquiridos durante o estágio, e acrescentando valor á própria marca apostando numa nova abordagem.
Trabalho de Projeto apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco em associação com a Faculdade de Arquitectura da Universidade de Lisboa para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design do Vestuário e Têxtil.
Trabalho apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e à Faculdade de Arquitetura da Universidade Técnica de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Design Gráfico.
LiveColour Colourinhabiting, is the case study of my PhD in Design, under the theme –Collaborative Paintings in Residential Facades, and is the name of the action taking place in the São Cristóvão village, Alentejo, Portugal, writ large on residential facades, that tells a story in pictures from a local worldview, and conveys a message of hope, (in participant’s own words). The research indicates that, beyond the local participation and empowerment that such process engenders, it also satisfies an individual’s need for affection, identity and creativity by exploring the relationship between each resident and her creation of own public space. This paper contemplates also the designer´s role as a catalyst for questioning personal and collective values, their substance and expression. The case study has contributed to the creation of a future culture, promoting design as both a discipline of inner development and generator of social capital.
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design de Interiores.
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design de Interiores.
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Comunicação e Produção Audiovisual
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Comunicação e Produção Audiovisual
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Comunicação e Produção Audiovisual
Contém ref. bibliográficas
Contém ref. bibliográficas
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Comunicação e Produção do Audiovisual
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Comunicação e Produção do Audiovisual
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Comunicação e Produção Audiovisual
Relatório do projeto final de Licenciatura em Design de Comunicação e Produção Audiovisual.
Relatório do projeto final de Licenciatura em Design Comunicação e Produção Audiovisual.
Contém ref. bibliográficas
Contém ref. bibliográficas
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Comunicação e Produção Audiovisual
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Moda e Textil
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Moda e Textil
Contém ref. bibliográficas
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Moda e Têxtil
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Contém ref. bibliográficas
Dissertação apresentada à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco para obtenção do grau de Mestre em Design Gráfico
Dissertação apresentada à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco para obtenção do grau de Mestre em Design do Vestuário e Têxtil
Documento disponível na Biblioteca da ESART na cota : 728 - 5108
Ernesto Korrodi nasceu em Zurique, Suíça, em 30 de Janeiro de 1870. Estudou no Liceu Cantonal de Zurique e, aos quinze anos, ingressa na Escola de Arte Industrial onde desenvolveu os cursos de escultor-decorador e de professor de desenho durante nove semestres (1). Em 1889, no âmbito do programa de vinda de professores estrangeiros para Portugal, Korrodi seria colocado na Escola Industrial de Braga e mais tarde, em 1894, é colocado na Escola Domingos Sequeira, em Leiria, onde é professor da disciplina de Desenho Ornamental e Modelação, tendo leccionado também na secção da talha da Escola Domingos Sequeira. Em 1898, publica um primeiro estudo intitulado Estudos de reconstrucção sobre o Castello de Leiria: reconstituição graphica de um notável exemplo de construcção civil e militar portuguesa, publicado pelo Instituto Polygraphico de Zurique em 1898 (2), graças aos quais lhe seria atribuído, sob a proposta do Ministro e Secretário de Estado das Obras Públicas, Comércio e Indústria, o título de “Comendador da Real Ordem do Mérito civil”. Em 1905, Korrodi será nomeado diretor interino da Escola Domingos Sequeira e, em 1906, assume a direcção efetiva da escola, cargo que exercerá até 1917. No mesmo ano, monta uma oficina de cantaria junto à sua casa, Villa Hortênsia, que oferecia cantarias de calcário e lioz da região de Leiria. Duas obras da autoria de Korrodi receberiam o Prémio Valmor: a Casa do Dr. António Macieira (Avenida Fontes Pereira de Melo, Lisboa) em 1910 e o Prédio de Rendimento da viúva Estefânia Macieira (Rua Viriato, Lisboa) em 1917. Para além dos estudos de reconstrução que desenvolveu sobretudo aquando da sua vinda para Portugal, projetou obras para todo o país: Paços de Concelho, Sedes de Bancos, Garagens, Hotéis, Prédios de Rendimento e Habitações Unifamiliares. Em 1926, é-lhe atribuído o Diploma de Arquitecto pela Escola de Belas Artes de Lisboa.
To research graphic design in a globalized context it is primordial to consider cultural, social, historical and even anthropological studies to fully understand the aesthetics’ choices made by the designer’s. Being the “Japanese graphic design” a topic still to be better understand in the West, it is mandatory to gather information from primary sources. These data will be analyzed with support of secondary sources of information about Japanese visual communication, social and cultural studies. This paper presents comments about the result of a survey applied to 105 Japanese graphic designers. The survey was designed with 44 questions. The original survey, to better follow this report can be found in www.studiohobo.com/CONVERGENCIAS/Flavio_Hobo_Survey.pdf
Dissertação apresentada à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa, para obtenção do grau de Mestre em Design Gráfico
Dissertação apresentada à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Design Gráfico
Dissertação apresentada à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa para obtenção do grau de Mestre em Design Gráfico
Mestrado em Educação - Especialidade de Tecnologia Educativa
Contém ref. bibliográficas
Descriçäo baseada em: Ano 8, nº 21/22 (2000)-
O objectivo central desta investigação é o de promover a articulação entre o designer têxtil/moda e as bordadoras do Bordado de Castelo Branco. Centra-­‐se no desenvolvimento de projectos conjuntos, partindo da gramática do bordado para produções inovadoras e criativas, na aplicação de novos suportes têxteis e novas tecnologias a partir da reciclagem da matéria-­‐prima de seda, para aplicação no bordado de Castelo Branco. Para a recriação desta modernidade, pretende-­‐se abordar quatro dimensões1: [1] De ordem material, permitindo ir ao encontro dos gostos e exigências de um público que, sente uma necessidade cada vez maior por produtos e matérias-­‐ primas inovadoras, bem como novas bases assentes na biotecnologia; [2] De ordem cultural, pois permite recuperar a tradição e contribuir para a sua sobrevivência; [3] De ordem ecológica, porque faz sentir que estamos a estimular uma reaproximação entre a cultura e a natureza, bem como uma utilização criteriosa de determinados recursos; [4] De ordem económica, na medida em que o trabalho na área dos têxteis/moda é uma actividade que permite criar riqueza e contribuir para o bem-­‐estar da sociedade.
Este relatório é referente ao percurso académico, relativo ao ano letivo 2015/2016, onde visa a divulgação do trabalho realizado pela mestranda. O mesmo é subdividido em duas partes, uma prática (através da realização de um estágio curricular) e uma posterior reflexão e pesquisa. O estágio foi realizado no estrangeiro, mais precisamente em Londres, no atelier do designer Marios Schwab. O anterior teve a duração de três meses, sendo o mês de Novembro de 2015 o mês de início, e Janeiro de 2016, o mês de término. A aprendizagem realizada no estrangeiro foi fundamental pois a aluna, para além de expandir horizontes, teve a oportunidade de comparar e aprender a metodologia de trabalho utilizada naquele atelier específico. Após a conclusão do trabalho em atelier, procedeu-se à reflexão e investigação, deste conjunto e a aluna notou a necessidade de criar uma linha casual para a marca. Esta necessidade foi detetada num evento realizado pela marca, no qual a mestranda compareceu e colaborou. Sample sales era o nome do evento onde a estudante detetou a procura do consumidor por peças casuais. Assim, propôs-se a criação de uma coleção cápsula de cinco coordenados femininos para a estação Primavera - Verão 2017, onde a estética e a qualidade pela qual o designer é conhecido continuasse presente. A coleção mencionada anteriormente teve o conhecimento do designer de moda Marios Schwab.
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamentos
Contém ref. bibliográficas
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamentos
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento
Relatório do projeto final de licenciatura em Design de Interiores e Equipamento