Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

You search for idosos and 667 records were found.

Relatório de prática clínica apresentado à Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de mestre em Cuidados Paliativos
Relatório de prática clínica apresentado à Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de mestre em Cuidados Paliativos
Dissertação de Mestrado em Ciências do Desporto, Universidade de Coimbra, 2007
Dissertação de Mestrado em Cuidados Paliativos. Instituto Politécnico de Castelo Branco. Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias, 2014
Dissertação de Mestrado em Cuidados Paliativos. Instituto Politécnico de Castelo Branco, 2012
Pretendeu-se com este estudo dar a conhecer a realidade dos Cuidados de Longa Duração numa determinada área geográfica do país e alertar os responsáveis e decisores políticos para a necessidade de um novo olhar sobre os cuidados de saúde prestados nestes contextos. Estudaram-se seis estruturas residenciais para idosos e os rácios de cuidados de enfermagem e os discursos dos atores foram interpretados à luz dos indicadores de qualidade disponibilizados pelo European Centre for Social Welfare Policy and Research. O número de horas de cuidados de enfermagem apresenta um défice muito elevado. O melhor rácio, de 0,17 horas por dia e por utente, é um valor muito diferente do considerado como requisito de qualidade mínima, ou 50%, que é de 0.31 horas. Os discursos dos enfermeiros e dos idosos confirmam esta desadequação e os constrangimentos que dela decorrem
Introdução: São conhecidos os efeitos positivos do exercício terapêutico no estado depressivo e estado cognitivo do idoso. Objetivo: Este estudo teve como objetivos avaliar e comparar os efeitos de um protocolo de coordenação motora, com a duração de 8 semanas, duas vezes por semana, 50 minutos cada sessão, no estado depressivo e estado cognitivo. Metodologia: 30 idosos (81,43 ±8,97 anos), 66,7% mulheres, clinicamente estáveis e capazes de realizar marcha, numa amostra por conveniência, participaram num protocolo de coordenação motora. Foram avaliados antes da intervenção (t0) e depois (t1) pela Escala de Depressão Geriátrica, EDG, (estado depressivo) e pela Mini-Mental State Examination, MMSE, (estado cognitivo). Resultados: Na EDG, no t0, o valor médio foi de 13,27 (±5,30) e no t1 foi de 11,37 (±6,15). Na MMSE, o valor médio em t0 foi 23,97 (±4,20), enquanto no t1 foi 26,1 (±3,86). As melhorias nos resultados foram estatisticamente significativas tanto no estado depressivo (p=0,000) como no estado cognitivo (p=0,000). Discussão: O protocolo usado neste estudo foi capaz de promover melhorias estatisticamente significativas (p≤0,05) no estado depressivo e estado cognitivo.
Introdução: São conhecidos os efeitos positivos do exercício terapêutico no estado depressivo e estado cognitivo do idoso. Objetivo: Este estudo teve como objetivos avaliar e comparar os efeitos de um protocolo de coordenação motora, com a duração de 8 semanas, duas vezes por semana, 50 minutos cada sessão, no estado depressivo e estado cognitivo. Metodologia: 30 idosos (81,43 ±8,97 anos), 66,7% mulheres, clinicamente estáveis e capazes de realizar marcha, numa amostra por conveniência, participaram num protocolo de coordenação motora. Foram avaliados antes da intervenção (t0) e depois (t1) pela Escala de Depressão Geriátrica, EDG, (estado depressivo) e pela Mini-Mental State Examination, MMSE, (estado cognitivo). Resultados: Na EDG, no t0, o valor médio foi de 13,27 (±5,30) e no t1 foi de 11,37 (±6,15). Na MMSE, o valor médio em t0 foi 23,97 (±4,20), enquanto no t1 foi 26,1 (±3,86). As melhorias nos resultados foram estatisticamente significativas tanto no estado depressivo (p=0,000) como no estado cognitivo (p=0,000). Discussão: O protocolo usado neste estudo foi capaz de promover melhorias estatisticamente significativas (p≤0,05) no estado depressivo e estado cognitivo.
Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gerontologia Social.
Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gerontologia Social.
Este artigo relata um estudo sobre os efeitos dos exercícios físicos realizados de forma tradicional e com jogos digitais interativos na capacidade funcional dos idosos. O estudo incluiu a ingestão de Spirulina platensis, como um acessório de exercício físico. O estudo foi um ensaio clínico randomizado duplo cego, realizado em dois meses. A amostra foi composta por 20 mulheres e 15 homens idosos, divididos em três grupos: G1 (n= 12, 71,2 ± 7,5 anos) realizaram atividades físicas tradicionais, tais como levantamento de peso e de dança; G2 (n= 13,69 ± 5,8 anos) fez atividades interativas usando o Xbox Kinect (com o jogo ‘Body and Brain Connection’) e fez uso de Spirulina platensis; e G3 (n =10, 70,7 ± 4,8 anos) realizou as mesmas atividades interativas e usou um placebo. Os resultados mostram que as atividades físicas tradicionais e interativos melhorar três parâmetros de capacidade funcional, ou seja, a resistência aeróbia, agilidade e equilíbrio (p ≤ 0,05). No entanto, encontramos efeitos diferentes em dois parâmetros da capacidade funcional: não houve ganho de flexibilidade nos três grupos e havia apenas os ganhos em termos de velocidade do G1 e G2. A ingestão de Spirulina platensis em G2 pode estar aumentando a velocidade aeróbica. As conclusões gerais sugerem que atividades tradicionais e atividades físicas interativos são equivalentes na melhoria da capacidade funcional.
Objetivo: O objetivo deste estudo é avaliar e identificar a influência da institucionalização na capacidade de realização das atividades da vida diária instrumentais (AVDI) pelas pessoas idosas. Materiais e Métodos: Estudo longitudinal, comparativo e descritivo que envolve a aplicação da Escala de Lawton e Brody para as AVDI a pessoas com mais de 65 anos em quatro momentos distintos: no momento de entrada do sujeito no lar e nos sujeitos residentes na sua própria habitação e passados 3, 6 e 12 meses após o primeiro momento para ambos os grupos. Os sujeitos do estudo foram obtidos por conveniência e a recolha dos dados ocorreu entre julho de 2011 e maio de 2012 nos distritos de Castelo Branco e Viseu. Para análise dos dados foi utilizado o software Statistical Package for the Social Scienses (SPSS) versão 20. Resultados: Os resultados provisórios após os três primeiros momentos de avaliação indicam um aumento da dependência na capacidade de realização das AVDI. Para as pessoas idosas residentes em lares no momento T0 a pontuação média da escala é de 20,96, aumentando no momento T1 para 23,96 e no momento T2 para 25,11. Já nas pessoas idosas residentes na sua própria casa no momento T0 a pontuação média da escala é de 14,50, aumentando no momento T1 para 14,57 e no momento T2 para 14,90. Conclui-se que o nível de dependência dos sujeitos institucionalizados é superior em todos os momentos de avaliação aos que residem nas suas próprias habitações. Todos os valores mencionados apresentam significância estatística, com um valor de p <0,05. Na análise do comportamento de ambos os grupos com a comparação dos vários momentos de avaliação entre si, conclui-se que os dois grupos aumentaram o grau de dependência entre cada momento de avaliação. Contudo, as perdas são mais evidentes nos idosos institucionalizados. Conclusão: Há um aumento de dependência para a realização das AVDI em ambos os grupos, mais evidente nos idosos institucionalizados, como sugere a literatura (1-2). Sugere-se assim que as instituições e as próprias famílias elaborem estratégias que permitam manter a autonomia e a funcionalidades destas pessoas idosas.
Trabalho de Projeto apresentado à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gerontologia Social.
Disponível na Biblioteca da ESACB na cota C30-27246TFCNHQA.
Disponível na Biblioteca da ESACB na cota C30-28018TFCNHQA.
Trabalho de Projeto apresentado à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gerontologia Social.
Trabalho de projeto apresentado Escola Superior de Tecnologia do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de mestre em Desenvolvimento de Software e Sistemas Interativos.
Trabalho de projeto apresentado Escola Superior de Tecnologia do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de mestre em Desenvolvimento de Software e Sistemas Interativos.
Relatório do Trabalho de Fim de Curso de Design de Interiores e Equipamento apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco.
Trabalho de Projeto apresentado à Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco e Faculdade de Belas-Artes de Lisboa para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Design de Interiores.