Type

Data source

Date

Thumbnail

Search results

You search for motora and 210 records were found.

Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco, com vista à obtenção do grau de Mestre em Actividade Física, na Especialidade de Gerontomotricidade.
Abordamos o escolanovista Faria de Vasconcelos, no âmbito da pedagogia moderna, da experiência na escola de Biérges (Bélgica) e da educação especial, com crianças anormais escolares. Com uma análise hermenêutica e histórico-descritiva, sobre o seu pensamento e ação pedagógica, pretendemos como objetivos: aprofundar a sua experiência em Biérges, integrada na Escola Nova, que envolvia os alunos para a inclusão, o poder de iniciativa, a observação, a experimentação e a cultura integral, ligando pensamento-ação; analisar os contributos dados à educação das crianças ‘anormais pedagógicas’ e às escolas, desde a reeducação mental e pedagógica. O marco teórico de análise assenta nas obras de Vasconcelos. O ensino partia sempre da aplicação prática, da aprendizagem por indagação, resolução de problemas e no trabalhar ‘fazendo’, desenvolvendo as dimensões básicas da criança: física, intelectual, moral e a cooperação cívica. A atenção especial dedicada aos ‘anormais’ que, na época não tinham escolas especiais, foi um contributo enorme à educação especial, realizando exames psicopedagógicos, diagnósticos e intervenções, que davam uma orientação útil às escolas e professores. Muito do que fez o nosso escolano vista estimulou escolas na época e a formação de cidadãos livres, produtivos, com uma cultura geral e formação profissional. As propostas de Vasconcelos enquadram-se em algumas diretrizes da educação especial e apoio psicopedagógico
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico.
Este relatório foi elaborado no âmbito da Prática de Ensino Supervisionada e do Projeto do Ensino Artístico e constitui duas partes: a prática supervisionada e o trabalho de investigação. A primeira parte deste relatório consiste na descrição da prática supervisionada num contexto de ensino individual e de música de conjunto. A primeira parte do relatório pretende assim, apresentar toda a contextualização da instituição e dos alunos onde decorreu a prática supervisionada, bem como todas as planificações que constam deste processo. No final pretende-se ainda uma reflexão crítica pessoal da prática pedagógica realizada. A segunda parte deste relatório consiste num estudo de natureza investigativa, que pretende compreender a influência da motivação no exercício da docência no ensino especializado da música. A temática escolhida prende-se com a verificação de que no âmbito desta matéria, existe uma investigação pouco aprofundada sobre a motivação no exercício da docência na área do ensino especializado da música. Como tal, esta investigação torna-se pertinente, face a todo o descontentamento que presenciamos hoje em dia no contexto educacional. O ensino artístico nas últimas décadas tem sido alvo de grandes transformações, transformações essas, que, de igual forma, contribuíram para uma alteração dos contextos envolventes. No seguimento desta temática a investigação pretende explorar a importância da motivação na prática educacional artística e musical, questionando e equacionando os fatores que intervêm direta ou indiretamente no desempenho do docente, bem como fomentar o interesse e desenvolvimento de novas e mais aprofundadas investigações no campo da motivação na docência e com especial enfoque no ensino artístico especializado da música. Foi assim possível verificar que a motivação é fundamental para o exercício da docência. Para tal constatámos que fatores de reconhecimento, relacionamento e de realização profissional e pessoal, demonstram ser preferentemente geradores da motivação, e que fatores externos como as politicas públicas, as condições físicas, o salario, o vinculo laboral, por si só não foram considerados como promotores da motivação. Concluímos assim, que fatores internos apresentaram ser mais geradores da motivação face a fatores externos.
O presente relatório de estágio, dividido em duas partes, espelha o desenvolvimento da Prática de Ensino Supervisionada desenvolvida ao longo do ano letivo 2015/2016 e a investigação referente ao Projeto de Ensino Artístico. A Prática de Ensino Supervisionada foi desenvolvida no Conservatório de Artes Canto Firme de Tomar e a primeira parte deste trabalho caracteriza todo o desenvolvimento do estágio. O projeto de investigação, que recai em metodologias de estudo para uma melhor prática instrumental da flauta transversal, visa a resolução de problemas de estudo identificados nos alunos, de forma a organizar e planificar o estudo instrumental, recorrendo a diferentes metodologias de estudo. Esta segunda parte apresenta os problemas e objetivos da investigação bem como a fundamentação teórica na qual se baseia a implementação do projeto. A metodologia da investigação baseou-se na recolha de dados através de questionários, observação direta, grelhas de observação e planificações de estudo.
A presente tese teve como principal objectivo ir ao encontro das recomendações propostas nos vários relatórios da Comissão de Especialistas D214 do ERRI, nomeadamente a necessidade da realização e interpretação de ensaios experimentais e de medições em condições normais de serviço a fim de confrontar e validar os resultados de aplicação das diferentes metodologias e averiguar os efeitos que influenciam o comportamento dinâmico de pontes de pequeno e médio vão. As pontes ferroviárias, com vãos inferiores a 40 m, para o tráfego de alta velocidade com velocidades superiores a 200 km/h são estruturas muito sensíveis aos efeitos dinâmicos, para melhor compreensão do comportamento dinâmico deste tipo de estruturas inicialmente são apresentados alguns parâmetros que o influenciam. A realização de uma campanha de medições em vários viadutos ferroviários de pequeno e médio vão permitiu a identificação dos parâmetros modais das estruturas, frequências próprias e amortecimentos, bem como a medição de acelerações verticais no tabuleiro das pontes quando sujeitas à passagem do tráfego real. Numa avaliação numérica preliminar verificou-se que num número significativo de estruturas, a aceleração vertical máxima do tabuleiro ultrapassava o valor limite de 0,35g chegando a alcançar os 20 m/s2. A caracterização modal dos viadutos, os modos de vibração, frequências próprias e amortecimentos permitiram o desenvolvimento de modelos de elementos finitos cujos comportamentos foram validados com a comparação das respostas de acelerações verticais obtidas nas medições. Os modelos de elementos finitos incluem uma série de factores que condicionam o seu comportamento, tais como as condições de fronteira dos tabuleiros, a continuidade do carril sobre os apoios, a distribuição longitudinal na via das forças verticais dos eixos dos comboios. Na modelação da via férrea sobre a estrutura três modelos dinâmicos foram utilizados, modelos que resultam de investigações efectuadas quer no domínio do comportamento da via, do comportamento dos veículos que sobre ela circulam e da ponte que lhe serve de apoio. Diferentes metodologias foram utilizadas para o cálculo das respostas das pontes, numéricas e simplificadas. As metodologias numéricas compreendem a aplicação das forças rolantes e a interacção entre o veículo e a ponte, algoritmo de contacto. Para ambas as metodologias é descrita a sua implementação e validação no software ADINA. Vários algoritmos de integração passo a passo foram aplicados, o método da Sobreposição Modal, o método de Newmark e o método de Wilson-θ. As metodologias simplificadas, os métodos da Decomposição da Excitação em Ressonância (DER) e da Linha de Influência Residual ou Virtual (LIR ou LIV), também foram expostas e implementadas de forma a comparar os seus resultados com os derivados da aplicação dos métodos de integração passo a passo. Com base no modelo de elementos finitos desenvolvido veículo/via férrea/ponte procurou-se também averiguar a influência das irregularidades da via no comportamento dinâmico de pontes de médio vão. Considerou-se dois tipos de irregularidades: a irregularidade isolada posicionada a meio vão da ponte, simulação de uma má compactação do balastro; e a irregularidade aleatória contínua, posicionada em toda a extensão do carril. A avaliação dos efeitos derivados da consideração de irregularidades aleatórias na via férrea é efectuada recorrendo à técnica de Monte-Carlo, em que diversos perfis de irregularidades são utilizados, gerados a partir de funções densidade espectral de potência de irregularidades da via férrea correspondentes às diversas classes de qualidade da via. As respostas máximas da ponte com as diferentes irregularidades foram determinadas, bem como as respostas dos veículos, as forças de contacto entre a roda e o carril e as acelerações verticais na massa vibrante do balastro da via.
Tese de Doutoramento em Psicologia, na especialidade de Psicologia Pedagógica, apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, sob a orientação científica do Professore Doutor Manuel Viegas Abreu. No final da Tese de Doutoramento foram incluídos os anexos (p. 440-554).
Tese de Doutoramento em Teoria Curricular e Metodologia de Ensino, apresentada à Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.
O Diagnóstico para a Sustentabilidade do Concelho de Castelo Branco tem dois grandes objectivos: - Apresentar um diagnóstico do Concelho, simples e acessível; - Apontar para as Áreas Estratégicas, em que assentará Castelo Branco Agenda XXI, posteriormente validadas pela comunidade/actores locais. Tem como propósito abranger e integrar num mesmo documento uma descrição actual e representativa dos sistemas ambientais, sociais, económicos e institucionais do concelho de Castelo Branco, resultando na identificação das suas potencialidades e fragilidades. Deste modo, obtém-se a definição das oportunidades e ameaças do concelho, de forma a assentar as grandes opções estratégicas do Desenvolvimento Sustentável, através de um modelo – Castelo Branco Agenda XXI. Assim, o Diagnóstico para a Sustentabilidade permite avaliar a realidade concelhia e efectuar uma análise prospectiva, nomeadamente no que respeita à identificação de problemas e oportunidades, em consonância com o já planeado pela CMCB, no sentido do Desenvolvimento Sustentável e da melhoria da qualidade de vida.